Semana Tecnológica do Agronegócio começa com várias novidades

A quinta edição da Semana Tecnológica do Agronegócio (STA) começou nesta quarta-feira (17) e apresenta diversas novidades para os produtores rurais capixabas. O evento que foi criado para difundir o conhecimento, mas também se transformou em um importante lugar para fechar negócios, hoje é a maior feira do agronegócio cooperativista do Espírito Santo.


Uma das principais novidades deste ano é a apresentação de painéis com trabalhos técnicos/científicos, produzidos por estudantes, pesquisadores e profissionais atuantes no campo. A organização da feira recebeu diversos trabalhos e classificou onze para serem apresentados durante o evento. “Essa é uma iniciativa para aproximar o conteúdo acadêmico do homem do campo, com uma linguagem mais simples estamos compartilhando conhecimento”, afirma o presidente da Comissão Científica da STA, o Dr. José Roberto Gonçalves.


Estudantes Luciene Laurett (UFES) e Hayandra Salomão (IFES) mostram painel

Estudantes Luciene Laurett (UFES) e Hayandra Salomão (IFES) apresentam seus painéis científicos


Os workshops teóricos e práticos são outras iniciativas para estreitar o conhecimento do dia-a-dia do produtor rural. O primeiro tratou sobre a automação em irrigação de forma simples e eficiente para o cotidiano rural.


“Hoje nós temos diversos equipamentos que atendem de pequenos a grandes produtores rurais. Esses processos de irrigação acontecem de forma autônoma, ou seja, dispensa a intervenção humana, além de utilizar a água de maneira equilibrada e personalizada para cada tipo de plantação”, disse Zenilton Brito, engenheiro de aplicação da Azud.

Workshop sobre automatização na irrigação

Workshop sobre automatização na irrigação ministrado por Zenilton Brito, engenheiro da Azud


Além disso, a Semana Tecnológica do Agronegócio deste ano terá exposição de animais, premiação do concurso de qualidade de café, eleição do melhor ovo do Espírito Santo, a presença de palestrantes como o professor Carlos Alberto Júlio, senador Álvaro Dias, entre outras atrações.


Facilidade em realização de negócios

Quem deu a largada e fechou o primeiro negócio na Semana Tecnológica do Agronegócio foi o casal de produtores rurais Teresinha Comper Lima e José Jorge Lima, que adquiriu insumos agrícolas para a propriedade em Rio Santinho, no município de Santa Teresa. O ambiente facilitador para negociações, juros atrativos e rapidez para fechar contratos foram pontos fundamentais para que os clientes saíssem da feira satisfeitos, segundo a gerente da agência Sicoob de Santa Teresa, Liliane Perini.


“Se esse casal não estivesse na feira, essa negociação duraria em torno de 10 dias pelo menos, pois seria necessária a apresentação da proposta, a espera pela aprovação e alguns outros trâmites. Aqui, eles gastaram cerca de 15 minutos”, explica a gerente.


O casal de produtores rurais Teresinha Comper Lima e José Jorge Lima com sua filha na STA

O casal de produtores rurais Teresinha Comper Lima e José Jorge Lima com a gerente do Sicoob, Liliane Perini


Os juros Pronaf de 5,5% ao ano também é um atrativo para os produtores rurais, que encontram na feira possibilidade de negociação mais ampla. Mas tudo isso só está começando... ao longo dos próximos dias, a expectativa é que mais de 21 milhões de reais em negócios sejam fechados.


Confira como ficou o primeiro dia da STA:



#STA2016 #Agronegócio #ES #Conhecimento

NOTÍCIAS
EM DESTAQUE
Posts Recentes
TODAS
AS NOTÍCIAS